segunda-feira, 27 de junho de 2011

Falar "oxente" repetidamente é motivo para ser zombado


Do Dicionário Houaiss (pronúncia: uais):
Oxente - interjeição - exprime estranheza ou espanto, também se diz apenas "oxe", exemplo: oxente, isso é coisa que se diga, rapaz?

Na emissora do PSDB de São Paulo, a TV Cultura, nem mesmo os programas infantis escapam de ideologização. A nova atração do período vespertino de segunda a sexta é intitulada "Quintal da Cultura". "Apresentada ao vivo, os personagens Doroteia, Ludovico, Quelônio (um Jabuti) e Minhoquias estimulam as crianças a desenhar, pintar, correr, cantar, pular amarelinha ou elástico, jogar bola, enfim, fazer tudo aquilo que elas mais curtem" (texto copiado do site).
E claro, muita bagunça e zombaria. Os "humanos" do programa resolveram pregar uma peça no jabuti, e fizeram uma mágica/feitiço/susto/mal-feito, que fez com que o animal falasse a palavra "oxente" sem parar, gerando enormes gargalhadas dos "humanos". O jabuti é oriundo do nordeste (sotaque representado de maneira caricata), tem mais de 100 anos e fala a referida palavra algumas vezes quando aparece no programa. Mas repetir seguidamente como foi vítima da pegadinha, ah!, isso não!, isso é insuportável, vamos zombar do coitado para as crianças aprenderem conosco aqui na Cultura!

Um comentário:

  1. Será que seria motivo de zombaria se repetisse "meu" ou "fala sério" ou qualquer tipo de gíria advinda do sudeste do país seria insuportável?
    Insuportável é esta descarada discriminação para com a cultura nordestina.

    ResponderExcluir